Guia De Raças Felinas

O conceito de raça felina teve início em meados do séc. XIX, com as primeiras exposições de gatos. Hoje são reconhecidas oficialmente mais de 100 variedades de Felis Silvestris Catus no mundo. Algumas raças são naturais, autóctones de um dado país. Outras passaram por cruzamentos seletivos visando perpetuar determinadas características. A maioria dos gatos de estimação se reproduz ao acaso, isto é, os casais se escolhem sem intervenção humana. Já os gatos de pedigree foram selecionados pelos humanos em função do formato do corpo, especialmente do rosto, da cor da pelagem e de outras qualidades que melhor representam a raça.

Gatos Pelo Curto

Os gatos mais antigos eram de porte médio, esbeltos e de pelo fino, semelhantes ao gato selvagem africano dom qual descendiam. O pelo curto era prático em regiões de clima temperado, e as raças de pelo curto continuam sendo as mais numerosas. A densidade dom pelo curto varia demais, de espesso a abundante a totalmente pelado.

Gatos Pelo Longo

Os gatos de pelo longo não são comuns na natureza pois são geneticamente recessivos. Porém, uma única mutação genética determina o pelo longo, o que tornou relativamente fácil perpetuar seletivamente essa característica cruzando pelo longo com pelo longo, inclusive nas gerações seguintes.

Veja mais

comente